terça-feira, 23 de setembro de 2014

Feminista, Sim!


Recentemente houve a iniciativa da ONU de se pronunciar sobre o Feminismo. Com a ajuda e apoio da atriz Emma Watson eles lançaram o projeto chamado HeForShe que visa chamar a atenção não só das mulheres, mas principalmente dos homens, para as diferenças entre os sexos praticadas em nossa sociedade atual. A atriz faz um convite à todos para lutarmos contra isso.

Inspirada pelo seu discurso, resolvi vir aqui discutir os meus pensamentos sobre o Feminismo. Em muitos pontos ela verbalizou os meus sentimentos sobre o assunto: "Só para constar – Feminismo por definição é: A crença de que homens e mulheres deveriam ter direitos e oportunidades igualitários. É uma teoria de igualdade política, econômica e social para ambos os sexos."

É interessante o quanto eu vejo essa palavra sendo distorcida na mídia hoje em dia, tanto por homens quanto por mulheres. E esse discurso dela veio em boa hora para acordar a população e fazê-los enxergar a verdade. Por anos, nós, mulheres fomos tratadas nada menos como um acessório, talvez. Ainda hoje, a maior parte feminina no Oriente é tratada dessa maneira. Ser feminista não é querer chamar a atenção. Não é odiar os homens. Não é não se depilar. Não é ser revoltada. Ser feminista é querer ser tratada como um ser humano, acima de tudo, antes de ser tratada como mulher. Estamos lutando contra as discriminações dentro dos ambientes de trabalho, contra as imoralidades a que somos obrigadas a ouvir no meio da rua, contra o abuso da força que algumas mulheres se encontram obrigadas a aceitar dentro de casa, estamos lutando contra a ideia de que homens estão acima de nós porque são homens.

Homens não deveriam estar acima de nós. Nós deveríamos estar em pé de igualdade, somos capazes das mesmas coisas. E, no entanto, somos alvo de piadas sexistas o tempo todo. A Emma Watson está corretíssima ao convocar os homens e não apenas as mulheres para essa campanha: Precisamos de mais homens nos apoiando. Não queremos que sejam nossos inimigos, pelo contrário, queremos que nos ajudem.

Ser Feminista não é sinônimo de Ruim. E graças às distorções atuais como disse a Emma sabiamente as mulheres estão escolhendo não se identificar como feministas.

É muito raro eu ver esse assunto sendo tão bem tratado e tão sincero como foi no discurso dela. Seja na mídia, seja na rua, seja no colégio... e digo mais, eu ainda tive sorte por ter tido professores que estavam dispostos a trazer esse assunto para a aula. Professores que nos fizeram questionar de verdade, mas essa não é a regra.

Eu vejo meninos, da minha idade, que ainda acham um absurdo as mulheres poderem trabalhar.

Assim como vejo meninas julgando garotos que choram em público. 

Isso não é igualdade!

Eu sou Feminista e eu não acho que as mulheres são melhores que os homens.

Eu sou Feminista e eu acho que todos somos iguais.

Segue abaixo o vídeo do discurso da Emma Watson:



E o discurso em PDF pra quem não conseguiu ouvir:

Comente com o Facebook!

Nenhum comentário:

Postar um comentário