KIM KARDASHIAN E OS PADRÕES DE BELEZA IMPOSTOS PELA SOCIEDADE

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Olá!
Bom, você deve estar se perguntando quem é essa pessoinha que está escrevendo esse post. Prazer, eu sou a Clarissa, mas todo mundo me conhece como Cla ou Cla Cla (que é como a dona desse blog me chama haha) e eu to muito feliz por que EU SOU A NOVA COLABORADORA DO QUERO MAIS PIZZA!!!! *palmas, muitas palmas*

Toda quarta vou estar aqui escrevendo posts sobre assuntos que gosto de falar e debater. Já adianto que sou mega fã reconhecedora number 1 do mundo das celebridades - amo falar sobre isso (sobre comida também como a boa taurina que sou) - e meu sonho de princesa é aparecer no Estilo da Blogueira desse blog (Ana Lu me dá uma chance!). Então, se você quer saber mais sobre essa lost Kardashian que vos fala, me siga nas redes sociais, que vão estar no final do post! Eu juro que sou um amor de pessoa!
E pra inaugurar minha participação nesse lindo blog, eu não poderia deixar de falar da minha família de Calabasas, o clã Kardashian/Jenner. Quem me conhece, sabe que sou louca obcecada por toda família e acredito fielmente que um dia Mama Kris virá me buscar (fé no Pai!).
E essa semana, minha musa inspiradora, dona dessa família e que ostenta uma fortuna de 300 milhões de dólares, Kim Kardashian West, esposa do rapper Kanye West e mãe de North e Saint West, quebrou (novamente) a internet.
Kim estava no México junto com suas amigas para comemorar o aniversário da irmã mais velha, Kourtney e, como qualquer pessoa que vai à praia, colocou um modelo vintage da Dior e foi curtir com suas amigas. Com isso, derrubou a internet (mais uma vez) com algo que nunca se imaginou ver no corpo da estrela de 36 anos: celulites. 



 

“Mas como assim?” “Kim Kardashian tem celulite?” “Mas o bumbum dela era tão perfeito na capa da Paper no ano passado!” “Realmente ela é a rainha do Photoshop!” – essas foram algumas das observações que quem a tinha como modelo de corpo perfeito se fez. Inclusive, saindo até no jornal.

Mas pensa que foram comentários leves? Infelizmente não. Comentários maldosos com conteúdo body-shaming que nem vale a pena serem postados aqui e mais uma vez a internet vem zoar a imagem de alguém. Por incrível que pareça, muitas mulheres a criticaram por isso e a ofenderam.

ADENDO: pra quem não sabe o que é body-shaming, numa tradução livre, significa o ato de envergonhar-se do corpo, ou ainda, reprová-lo... É também esperar a aprovação das pessoas quanto às suas formas. É ver o corpo como um objeto a ser corrigido: tirar, acrescentar, enrijecer, esticar, até atingir alguma perfeição.


Jornalistas famosos, como Piers Morgan, também criticaram a Kardashian (clique no link pra ver o vídeo)

Piers Morgan criticou Kim e seus co-anfitriões, que elogiaram a realidade das fotos, na Good Morning Britain   #soshame


Porém, Kim, savage como é,  revidou os comentários. Pode ser mais maravilhosa nessa resposta?
No Twitter, compartilhou uma declaração com a seguinte mensagem:

“Estou apenas sentada aqui na praia com meu corpo sem falhas”.




Por isso, eu estou aqui. Afinal, precisamos esclarecer algumas coisas. 

- Kim é uma mulher normal e REAL, logo, sempre terá celulite. Sim, você pode ter 10% de gordura corporal e muito provavelmente terá celulite em alguma parte do corpo. É a natureza feminina. Aceitem que dói menos.

- As conquistas de uma pessoa não se resumem ao seu corpo, por mais que hoje em dia – principalmente com as redes sociais altamente visuais – a gente queira acreditar nisso.  Ela não vai deixar de ser menos inspiradora pra muitas pessoas por causa da celulite. Ela não vai deixar de fechar trabalhos comerciais por causa disso.

É lógico que nas fotos a gente sempre consegue uns truquezinhos pra sair bem: posição do corpo, altura do smartphone para tirar a foto, iluminação, filtros no instagram etc. E isso a Kim entende melhor do que muita gente! Até eu que sou designer, não sei fazer esses truques...

Mas o fato é que a gente só enxerga aquilo que quer ver: perfeição. E ao menor deslize, quando nos lembramos de que as pessoas que idolatramos são gente como a gente, vem a decepção e a frustração. Vem a realidade. E a realidade nem sempre é agradável porque nos faz lembrar que somos passíveis de erros e defeitos, e que temos que batalhar se quisermos melhorar (ou melhor ainda: nos aceitar do jeito que somos), e não simplesmente esperar por um passe de mágica ou por um bilhete premiado da loteria.

Eu me sinto mais otimista por saber que as minhas inspirações tem dificuldades e sucessos, porque eu também sou assim. E não porque eu sou “recalcada” (tudo é recalque hoje em dia, ai que preguiça!). Mas por saber que não somos tão diferentes assim. E sabendo disso, aumenta minha convicção de que posso conquistar o que elas conquistaram (não entro aqui em diferenças de biotipo ou de padrão de vida, ok?).





Se a realidade fosse uma capa de revista photoshopada, aí sim, nós poderíamos entrar em depressão. Pra nossa sorte, não é assim.

E na boa? Isso é muito mais inspirador do que acreditar que aquela pessoa que a gente admira não sente nada. Não quero me inspirar em pessoas apáticas, que não sentem, que não VIVEM.

Eu busco exemplos reais, que me mostrem que é possível sim, superar obstáculos e evoluir, que me mostrem que tá tudo bem ter preguiça ou sentir vontade de comer chocolate no meio do dia. Quero me espelhar em pessoas de carne, osso, emoções e celulite – aí sim terei certeza de que minhas motivações são reais e de que nós podemos nos orgulhar dos nossos corpos e de suas imperfeições.

E a Kim é o meu exemplo real. Tudo bem que no meio do caminho ela fez plásticas e escorregou na aceitação em alguns momentos, mas Kim é uma mulher de verdade com fraquezas e fortalezas. E no meio disso tudo, essa mulher, que é uma das mais seguidas do mundo, mostrou que dá para ser musa e sucesso absoluto sem vestir manequim 36. Ela está aqui para nos lembrar de que ser magra não é pré-requisito para ser estrela. Ela é uma pessoa que venceu seus próprios medos e agora se sente bem e feliz com seu corpo (coisa que, se você não fez, é importante que faça – DICA!).

Acabarmos com o #bodyshaming é o primeiro passo para a liberdade de aceitar-se sem os padrões impostos pela sociedade e é importante para a construção de uma autoestima saudável.



Concordo quando alguém me diz que a Kim não é exemplo de auto aceitação, que usa Photoshop adoidado e que dá muita importância para a própria beleza. SIM, é verdade. Kim, assim como as outras Kardashians/Jenners, também podem ser indicadas como pessoas que criam, incentivam e alimentam padrões, mas a questão aqui são os (muitos) comentários criticando Kim por “não ter vergonha de mostrar a bunda com celulite”, ou “olha o tamanho, é desproporcional”, e ainda “se ela tem dinheiro, por que não trata essas celulites”. Pra mim, ELA pode ser neurótica o quanto quiser com o próprio corpo, mas isso não dá a ninguém o direito de falar do corpo dela ou do de qualquer pessoa. 

Por isso, Kimmy (sou íntima), assim como você faz o que quer da vida. Isso é um direito adquirido por qualquer pessoa nesse mundo. 

Se você não quer ver ou não concorda, não a siga. Mas, acima de tudo, não diga o que ela (ou qualquer outra pessoa) deva fazer. Esse é o ponto principal dessa discussão. Não gere ódio, nem julgamentos e nem alimente um mundo de humilhações.


Seja feliz do seu modo e deixe as outras pessoas serem felizes do modo delas, ok?

Kim foi totalmente flawless: ter confiança no seu corpo e amar a si mesmo é o que realmente conta. Não o que você come, seu peso, ou o que seus amigos dizem sobre seu corpo (embora eles não deveriam dizer nada sobre isso). Estou muito feliz por Kim estar realmente mostrando seu corpo e desfrutando de suas férias de praia.

Bom, é isso. Espero que vocês tenham gostado e comentem aqui embaixo o que acharam do post. Quero saber sua opinião sobre body shaming, sobre a Kim e sobre esses padrões de beleza! Ficarei feliz em responder cada um! E não se esqueça de compartilhar a postagem caso tenha se identificado com as coisas que eu falei. 

Pra quem quiser me conhecer melhor, chega aqui nas minhas redes sociais. Vamos se conhecer:


Comente com o Facebook!

5 comentários:

  1. Ótimo post, infelizmente a internet deixa o caminho liberado para essas pessoas que possuem a maldade na ponta dos dedos e adora expor, mas também é um lugar onde pessoas como eu que olham e veêm a "coragem" da Kim de se expor e expor suas imperfeições, sem se importar com o que vão achar. Isso é admirável.

    Bjs Josi
    www.singularidades.blog.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você gostou, Joseana! Kim é um ótimo exemplo de como amar a si mesmo e ter confiança no seu corpo. Infelizmente, existe pessoas maldosas na internet e acham que podem falar mal da vida de qualquer um e esquecem que poderia ser com elas. Mas, se pudermos evitar que isso aconteça, vamos fazer a diferença! Obrigado por comentar e até a próxima!

      Excluir
  2. Kim é musa maior. E daí se ela fez cirurgia? Se ela quis mudar o corpo isso pra mim é tão falta de aceitação quando fazer tatuagem ou se maquiar. Povo fala muito. Kim é empresária que ao invés de apenas viver com o dinheiro do pai transformou em mais.
    Amei seu Post. Já fico esperando o próximo.

    Beijoks
    Www.atesemsalto.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. OBRIGADA POR DIZER ESSAS PALAVRAS! É isso que eu tento explicar pra todo mundo que vem criticar a Kim e sua família pra mim! Você disse uma coisa certa: o povo fala muito e esquece de olhar pra eles mesmos. Se pudermos fazer a diferença, vamos lá! Ela tem talento sim e vai continuar enriquecendo cada vez mais! Fico feliz que você tenha amado o post e terça tem mais! Beijos!

      Excluir
  3. Uma colega me mostrou essas fotos dela e falou "que horror, olha isso" eu só dei uma risadinha mas pensei "o corpo é dela e eu vou falar o que se também tenho celulite?" E eu também não tenho o direito de julgar ela, também concordo que ela não é o modelo perfeito pra aceitação mas eu válido mudanças se a pessoa está fazendo aquilo por ela vai se sentir melhor e não por pressão social.
    www.agendaleatoria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir

Quero + Pizza • Design e Desenvolvimento por Lariz Santana