7 SÉRIES ANTIGAS PARA FAZER MARATONA

terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Terça-feira aqui no blog vai ser dia de livros, séries e filmes. Um dia eu prometi que traria mais resenhas pro blog e temas relacionados por ser algo que eu amo demais e se faz tão presente no meu dia a dia. Vou cumprir essa promessa trazendo já como tema a nostalgia. Resolvi listar 7 séries antigas para fazer maratona fácil, fácil.


Com a influência dos meus pais eu acabei conhecendo muitas séries que eles assistiam quando crianças, além disso a Nickelodeon possuía o Nick@Night (quem lembra?) em que nos relembrava justamente dessas séries dos anos 60 e 70. Eu adorava, era uma pena mesmo que ia até de madrugada e quando menor eu não tinha tanta disposição para ficar acordada até tão tarde (se eu não me engano terminava às 3:00 da manhã). Mas vamos lá para a nossa lista (fiz em ordem cronológica pra vocês):



1. A FAMÍLIA ADDAMS (1964 - 1966)

Um clássico da história da televisão, da comédia e do terror também. Mesmo se você nunca viu a série em preto e branco, com certeza já viu as readaptações que tiveram depois em filmes (foi uma trilogia começando em 1991 e terminando em 1998). Acho que todo mundo conhece a história da família Addams, uma família incomum que vê prazer nas coisas mórbidas da vida e que a maioria das pessoas tem medo. Recheados de personagens assustadores com um leve quê de comédia, algumas situações eram tão absurdas e tensas que chegavam a ser cômicas como as supostas torturas a que Vandinha submetia o seu irmão, Feioso. Com certeza vale a pena ver pelo menos uma vez na vida, pelo menos um episódio e se deliciar com o dia a dia na mansão Addams. Minha personagem favorita era de longe Vandinha, claro. Mas também adorava a Mãozinha e a Mortícia (os vestidos dela, nossa).


2. A FEITICEIRA (1964 - 1972)

Tá aí uma série que na minha opinião todos deveriam conhecer. Apesar de se tratar de uma bruxa, a série é puramente de comédia, abordando o dia a dia do casal Samantha e James. James é um humano que deseja que sua esposa pare de fazer bruxarias ao que ela se sente mais do que disposta a satisfazer seus desejos, mas sempre ocorre alguma situação em que Samantha se vê tentada a recorrer aos seus poderes e isso sempre causa muitas confusões. Sem dúvidas uma das melhores partes da série é ver a relação entre Samantha e Endora, a sua mãe, que abomina o relacionamento da filha e acha um absurdo que James exija que ela deixe de utilizar seus poderes. A série teve 8 temporadas no total chegando até mesmo a dar uma filha para o casal. Se você procura uma série que aborde bruxas livres dos preconceitos que essa palavra carrega então A Feiticeira é o ideal.


3. JEANNIE É UM GÊNIO (1965 - 1970)

Outra série que mistura elementos místicos com a realidade do dia a dia. Jeannie é um gênio foca na vida do Major Anthony Nelson que cai acidentalmente em uma ilha encontrando uma garrafa misterioso que decide levar consigo para casa. Ao chegar lá descobre que a garrafa abriga uma mulher, Jeannie, e que ela é nada mais, nada menos que um gênio. Jeannie se apaixona prontamente pelo seu novo amo e o coloca em todos os tipos de furadas com suas tentativas frustadas de fazer as suas vontades (mesmo quando ele implora para que ela não o faça). E é tudo isso que garante o tom cômico da série. O desespero de Nelson para que ninguém descubra Jeannie, sua paixão platônica pelo seu amo que faz com que ela o coloque em enrascadas e as visitas inesperadas de personagens do mundo místico de Jeannie que acabam por entrar na casa do Major aleatoriamente. A série teve cinco temporadas antes de ser cancelada, em 1970.


4. ARQUIVO X (1993 - 2002 / REVIVAL: 2016 - PRESENTE)

Fugindo da comédia um pouco, agora mergulhamos no mundo da ficção científica com Arquivo X. Outra série clássica da história da televisão, conhecida principalmente por tornar famosa várias das teorias de conspiração que rondavam os Estados Unidos. Arquivo X foca na vida dos agentes Mulder e Scully, que trabalham nos arquivos considerados paranormais e não-explicados cientificamente do FBI. Mulder é um fiel crente de que a a verdade está lá fora, acreditando existir vida alienígena fora da Terra (e que o governo sabe, mas mantém escondido a informação). Enquanto que Scully é o completo oposto, acreditando apenas nas coisas que consegue comprovar cientificamente (ou ver com os próprios olhos). E essa química improvável entre os dois que garante o tom tão certeiro da série, em que um é um personagem apaixonado em busca da verdade, enquanto a outra cética entra em uma batalha pessoal sobre o que é essa verdade de fato. Arquivo X foi base para diversas séries que surgiram depois e abordaram temáticas parecidas como Supernatural e Buffy e até hoje é possível ver referências a série em diversos filmes. A série original conta com nove temporadas, tendo um filme lançado entre a quinta e a sexta (Arquivo X: o filme) e outro seis anos após o final da nona temporada (Arquivo X: Eu quero acreditar), seguindo essa mesma linha do tempo. Em 2015, foi confirmada a volta de Arquivo X no formato de mini-série de seis episódios ao que foi estreada efetivamente em 2016, sendo a décima temporada e com a décima-primeira prevista para 2018.


5. XENA: A PRINCESA GUERREIRA (1995 - 2001)

Quer uma série com uma personagem feminina foda demais? Que tal Xena? Quando eu era criança eu simplesmente era viciada nessa série. Tinha de tudo: ação, ficção, comédia, história e o que é melhor: a protagonista era uma mulher forte, sem medo e pronta para enfrentar qualquer coisa. A personagem que se originou de Hércules, acabou fazendo tanto sucesso que ganhou uma série própria (e que durou nada mais, nada menos que seis temporadas). Em sua série Xena é uma ex mercenária que busca redenção pelo seu passado. Logo no primeiro episódio ela se alia a Gabrielle, que viria a ser a sua fiel aliada nos anos seguintes. E assim segue as aventuras de Xena em que a cada episódio ela busca ajudar pessoas diferentes e compensar os erros que cometeu no passado. Uma curiosidade: para homenagear a personagem, a série Agents of Shield convidou a atriz para fazer uma participação especial na série como a agente Isabelle Hartley.


6. KENAN E KEL (1996 - 2000)

A última série de comédia fica por conta da Nickelodeon que nos trouxe Kenan e Kel (e que mais tarde serviria como inspiração para Dan Schneider criar outra série de sucesso para a Nick: Drake & Josh). Eu acho que enquanto crescia eu nunca me divertia tanto quanto com Kenan e Kel. Kenan é claro, era o amigo esperto e inteligente que sempre inventava um plano mirabolante (e que no final, claro, sempre dava errado), enquanto Kel era o completo oposto, era atrapalhado, ingênuo e era seu melhor amigo viciado em refrigerante de laranja (quem ama refrigerante de laranja? Kel ama refrigerante de laranja). Muito da série se focava nas situações completamente ridículas e absurdas que os dois amigos acabavam se metendo garantindo boas risadas. Foram quatro temporadas no total, contando ainda com dois especiais e um filme.


7. BUFFY: A CAÇA VAMPIROS (1997 - 2003)


Mais uma série cuja protagonista principal é uma mulher forte, destemida e dura na queda. Muito antes de seriados como Vampire Diaries e True Blood surgirem a gente já tinha Buffy, a caça vampiros. E naquela época os vampiros eram criaturas detestáveis e maldosas que destruíam tudo em seu caminho e matavam sem pudor. Buffy, é claro, era a salvação da humanidade não apenas contra os vampiros, mas contra qualquer ser místico que entrasse em seu caminho e estivesse buscando causar problemas. Ao longo das sete temporadas Buffy enfrentou demônios, bruxas, monstros gigantes, profecias, feitiços... Sempre junto de seus fieis amigos Xander e Willow (que mais tarde, viria a se tornar uma poderosa bruxa e valiosa aliada para Buffy) e também com o seu guardião, Giles que guia e auxilia a protagonista ao longo da série. Não podemos esquecer também do seu interesse romântico nas primeiras temporadas: Angel, o vampiro com uma alma que busca a redenção pelas coisas ruins que fez. E mais tarde introduzem ainda os meus vilões favoritos: Drusilla e Spike. Spike sendo um dos melhores personagens da série em se tratando de desenvolvimento e caracterização. 

E essas foram as minhas sete séries antigas favoritas dignas de uma bela maratona em frente a TV. Eu simplesmente acabo perdendo a noção do tempo quando estou assistindo. Existem algumas outras que eu amo dessa época também como Friends e Gilmore Girls, mas por serem séries mais conhecidas preferi dar espaço para essas que nunca vejo falarem tanto hoje em dia. Algumas como Buffy e Arquivo X marcaram tanto o cenário televisivo que são lembradas até hoje, mas mesmo assim é difícil você ver passando em algum canal. 




O que eu mais gosto nessas séries são os personagens únicos e originais que seus autores foram capazes de criar e entregar durante tanto tempo. Principalmente em Buffy que a quantidade de personagens que Joss Whedon criou foi absurda, temos a própria Buffy, Angel (que mais tarde ganhou seu próprio spin off) e Faith (uma caça vampiros, anti herói que aparece mais tarde na série).

Espero que vocês tenham gostado das minhas indicações. Já conheciam? Me contem nos comentários o que vocês acharam. 

Não se esqueçam de curtir a página do Quero Mais Pizza no Facebook e me seguir no @queromaisfotos no Instagram (rolou muito spoiler de look do dia por lá no stories ontem). Eu também estou presente no Twitter e no Pinterest como @queromaispizza, então me acompanhem por lá também. 

Caso você queira entrar em contato comigo pode me enviar um email através de queromaispizzablog@gmail.com. 

Até amanhã <3 

Comente com o Facebook!

4 comentários:

  1. Eu era perdidamente apaixonada por Xena a princesa guerreira, tipo eu me via nela, me sentia uma guerreira de fato, amei suas dicas, Kennan e kel também eram meus queridinhos, amei o post miga. Beijos.
    BLOG ATRÁS DA PENTEADEIRA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. cara eu sou apaixonada pela cena até hoje <3 amo muuuuuitoooooo e kenan e kel era minha série favorita da pré adolescência haha

      Excluir
  2. que carinho por todas essas séries!!! Kenan e Kel vem da infância, junto com a Jeannie, mas Buffy eu vi há pouco tempo e amo tanto!

    obs: é meu primeiro acesso por aqui, mas adorei saber q tu é da comunicação da ufrj, é meu curso dos sonhos!!
    :)

    www.antonyou.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. o curso de comunicação visual da UFRJ é muuuuito bom, terá post sobre em breve por aqui <3 e fico feliz que tenha gostado awn obg <3

      Excluir

Quero + Pizza • Design e Desenvolvimento por Lariz Santana